Atitudes racistas são punidas pelo Judiciário

Atitudes racistas são punidas pelo judiciario

Ainda passível de recurso, um processo julgado pelo Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (autos: 0000031-67.2017.5.05.0193) condenou uma empresa de Feira de Santana a pagar ao seu ex-empregado o montante de R$ 10.000,00 a título de danos morais, uma vez que os colegas e até mesmo o superior hierárquico do colaborador chamavam-no de “macaco” ou de Nikito (marca de biscoito cujo mascote é um macaco), além de terem deixado bananas na motocicleta do reclamante.

De forma acertada, o relator – seguido pelos demais desembargadores integrantes da mesma Turma -, entendeu que houve conduta abusiva do empregador por meio de seus prepostos, tendo ficado o ex-empregado exposto, reiteradamente, a situações humilhantes, constrangedoras e vexatórias, em verdadeira afronta à sua dignidade e integridade psíquica, o que merece reparação financeira.

Minha opinião: a condenação foi muito baixa!

Facebook Comentários
Avaliar postagem